Débito automático - usar ou não usar?

Nenhum comentário


Conheço algumas pessoas que não usam o débito automático por uma única e simples razão: se uma conta vier cobrando errado, vai pagar a mais.

Mas, convenhamos, quantas contas de energia elétrica/água/telefone/condomínio/internet/qualquer outra coisa veio errada para você no último ano?

O débito automático é uma excelente forma de economia de tempo.

Vamos fazer as contas: considerando as contas básicas: água, energia, telefone e condomínio que boa parte da população tem, são 4 contas, em 12 meses: 48 códigos de barras para serem digitados, ou escaneados e autorizados para pagar.

Se você for um bom digitador, consegue pagar cada conta em mais ou menos 1 minuto, são 48 minutos economizados no ano se colocá-los em débito automático.

Desse tempo economizado, caso uma das contas venha errado, você consegue cancelar o pagamento e resolvê-la em metade desse tempo, ainda sobrou tempo!

Tem mais benefícios:
  • Correios em greve? tudo bem, não precisa ter o boleto!
  • Vai viajar? tudo bem, a conta vai ser paga!
  • Uma coisa a menos na cabeça para lembrar.
  • A conta é paga exatamente no dia que precisa ser paga, você pode se beneficiar de rendimentos de juros (que tratarei em outro artigo).
Ah, sobre o medo de pagar a mais por uma conta, basta dar uma olhada na mesma quando a mesma chegar, normalmente alguns dias antes. Tirando o governo, nunca vi nenhuma empresa ficar com dinheiro a mais, você consegue o reembolso em dinheiro ou então abatimento em uma próxima conta muito fácil.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Como não comer demais guloseimas

Nenhum comentário
 
Essa técnica é relativamente nova pra mim, era fácil chegar em casa depois de um dia de trabalho, depois do banho e janta, ligar a TV num seriado ou filme, pegar um saco de Sucrilhos ou alguma outra guloseima, e comer direto do saco.

Normalmente eu comia muito além do necessário, já tinha saciado a fome antes, mas queria comer alguma guloseima para fechar o dia, e o saco ali era um convite muito tentador.

Resolvi isso de uma forma muito simples, passei a colocar o Sucrilhos, Crunch, Froot Loops, bolacha Óreo, ou seja lá o que for em um pequeno pote (como esses aqui) para levar para a sala.

Tentei antes pegar duas ou três bolachas e ir para a sala, mas isso não satisfazia, e eu voltava pra cozinha e pegava mais, até que encontrei um pote na medida certa!

O pote é grande o suficiente para satisfazer minha vontade, mas pequeno o suficiente para garantir que eu não coma demais.

Depois que o seriado ou filme está rolando, e o pote termina, dificilmente tenho vontade de ir buscar mais, só um pouco de água.

Isso me tirou uns 2Kg a médio prazo, além de tirar a sensação de estufado que ficava depois de comer um saco de Sucrilhos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Planilha para planejamento Financeiro

Um comentário


Para ajudar algumas pessoas que não tem tanta habilidade com documentos Office, preparei essa planilha no Google Docs, basta acessá-la e salvar como uma cópia para poder editar, ou então fazer download para editar no seu computador.

O preenchimento é bem simples, pegue as anotações anteriores que você fez no bloco, ou então do cartão de crédito ou débito, vá abrindo linhas conforme necessário e digitando suas despesas. O mês de Janeiro está preenchido como exemplo com várias anotações, faça as alterações conforme necessário.

Se você for iniciar em outro mês que não janeiro, comece lançando o saldo atual da conta corrente, carteira, conta poupança, etc. (mesmo se for negativo).

Preencha a primeira coluna com o dia do mês, depois com uma descrição da despesa ou receita, o valor previsto (para criar um orçamento), e o valor realizado (use o número no negativo para indicar despesa). Atualize o valor previsto para ficar igual ao realizado, o importante não é o previsto do mês corrente, mas sim o dos meses seguintes.

Para as categorias, basta usar o nome que for mais conveniente, eu deixei preparado para sumarizar do lado direito mais algumas linhas, basta digitar o nome ali e o gráfico do mês será atualizado automaticamente.

Faça download da planilha de exemplo

Ps. observe que a planilha previamente preenchida é um bom exemplo, onde mês a mês vai acumulando dinheiro do mês anterior, se você não tem essa disciplina ainda, fique atento que vou abordar isso em outra postagem.

Um comentário :

Postar um comentário

Criando um orçamento

Nenhum comentário

Um dos pontos importantes da vida é a disciplina com o dinheiro. O ponto forte para riqueza é gastar menos do que ganha, ou ganhar mais do que se gasta, e isso só é possível criando um orçamento

Mas criar um orçamento para o futuro é complicado, então a melhor maneira é olhar para trás.

Nesse ponto o pagamento com cartão de crédito ou débito ajuda, olhando o extrato, estarão lá todas as saídas de dinheiro. Mas esses pedaços de plástico também são vilões.

Voltando ao tópico, olhe para uma fatura do cartão anterior, classifique as todas despesas em categorias que façam sentido para você, por exemplo: Casa, Alimentação, Carro, Diversão, Investimento, Outros (essas são as minhas), e veja quanto você gastou em cada uma delas.

Se você não usa cartão, ou usa dinheiro em várias compras do dia a dia, o mesmo caderninho de anotar as Pendêngas serve para anotar as despesas (não precisa anotar no detalhe o preço de uma banana, basta: Açougue 13/Mar: R$ 56,00, Mercado 14/Mar: R$ 70,14, Combustível 14/Mar: R$ 95,00). Uma vez por mês pelo menos, passe a limpo todas as despesas e some nas categorias, você passa a ter uma noção onde seu dinheiro está indo, e pode tomar alguma decisão sobre onde irá gastar daqui pra frente.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Pendêngas!

Nenhum comentário
Para começar de algum lugar, para criar a disciplina, organizar o tempo, conseguir mais tempo, a primeira coisa é organizar a lista de tarefas a fazer.

Uma dica é ter um pequeno caderno de rascunho e caneta (ou mesmo uma folha de papel) ou um smartphone sempre à mão, para anotar as pendências quando elas vem na cabeça.



Depois você resolve como ou quando vai executar, mas um ponto importante é tirar da cabeça, isso alivia a mente, te dá mais foco, deixa dormir em paz.

Quando não anotar? Só se a tarefa pode ser executada nos próximos 5 minutos e você não está fazendo mais nada. Mas se no meio você lembrar de outra coisa, para e anota essa outra coisa e termina o que está fazendo.

O importante é que tudo o que precisa ser feito, e não for ser feito imediatamente agora, esteja em um local que não na sua cabeça.

Depois, no próprio caderno de anotações, vai riscando o que já foi executado, além da sensação de completeza, conforme termina uma folha pode arrancá-la e amassá-la com vontade, e fazer uma cesta no lixo :-)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Como criar auto disciplina?

Nenhum comentário
Iniciei esse Blog com a ideia de ajudar pessoas de qualquer lugar a criar uma rotina mais saudável, comprometida e que possa trazer resultados duradouros para a vida.

Tomo como base experiências pessoais, de amigos e conhecidos, coisas que aprendi por tentativa e erro, outras que aprendi em livros, matérias, outros blogs, etc.

Sempre que puder vou sugerir conteúdos, ou exercícios práticos e simples. Não costumo escrever muito, então não espere histórias, só postagens simples e objetivas, como essa :-)

Nenhum comentário :

Postar um comentário