Juros 0% na compra de um carro novo? Faça as contas!

Nenhum comentário
 Essa é uma prática comum em algumas marcas com menos compradores para trazer mais vendas em determinadas épocas.

Mas acabou se tornando comum também em marcas com bastante vendas em épocas de crise, para incentivar o consumo.

Uma das pegadinhas para a compra de um carro com "juros zero" é o valor de entrada, normalmente mais de 50% do veículo, ou seja, fica menos da metade do carro para se parcelar.

Outra pegadinha é o prazo, normalmente só em 12 vezes, ou seja, parcelas altas para pagar que podem comprometer o orçamento.

Mas essas são fáceis de perceber e de escapar, ultimamente as ofertas melhoraram bastante, e as concessionárias passaram a oferecer os "juros zero" com melhores condições.

Acontece que para obter o "juros zero" a concessionária não vai deixar de receber o dinheiro, ela precisa do dinheiro para pagar a fábrica. A fábrica muito menos, ela precisa pagar os fornecedores. Aí entra uma terceira empresa, uma financeira, normalmente do mesmo grupo econômico, que paga a concessionária à vista com o valor, e recebe do cliente parcelado.

Hum... financeira é?

Pois é, e a financeira não vai fazer nada de graça, certo? O objetivo dela é obter lucro emprestando dinheiro, mesmo que a taxas muito baixas.

Então, o lucro da financeira está embutido no valor do carro. Possivelmente você não vai conseguir o desconto no valor do carro pagando a vista, e nem vai conseguir outra financeira com juros tão baixos, mas "juros zero" deveria ser proibido nas propagandas.

Mesmo que a financeira não queira ter lucro nessa atividade (por estar ligada à fábrica, por exemplo), ela tem que no mínimo recolher os impostos (IOF no caso), e normalmente embute uma taxa de abertura de crédito nas parcelas.

Como saber o que acontece? Faça as contas. Valor da Entrada mais o Valor das Parcelas multiplicado pelo Prazo.

Você vai ver que de "juros zero" não existe nada. O seu deu zero? Então o juros está embutido em algum lugar... o carro equivalente do concorrente custa quanto? Possivelmente bem menos.

Isso é ruim? Não necessariamente, possivelmente você não achará nenhuma condição financeira melhor, mas serve para refletir que "não existe lanche de graça".

Você deve deixar de comprar? Só não compre por impulso, e esteja ciente que o juros não é zero, só está subsidiado.

Normalmente, para compras assim grande, uso a regra do dia seguinte... não fecho negócio no mesmo dia, só no dia seguinte. Se a promoção não estiver lá no dia seguinte, possivelmente é para te forçar na compra por impulso e sem raciocinar, e é exatamente do que não precisamos...
---
Update 2019

Nos últimos anos, devido à crise financeira, algumas montadoras ficaram desesperadas por vendas.

Vi pessoalmente vários casos de "juros zero" de verdade, onde não tinha taxa escondida, e, ao quitar o carro, não tinha nenhum desconto como seria em uma operação financeira comum.

Quem bancou os juros zero? A montadora.

Em algumas visitas a concessionárias, algumas tinham essa condição com os juros zero de verdade, outras adicionavam o IOF, e algumas cobravam taxa de cadastro, embora pequeno.

Em uma montadora os juros zero estava condicionado à entrega do veículo antigo, com até três anos, de modelos selecionados. Embora Ok a regra, a avaliação do veículo ficou muito abaixo do mercado, enquanto o preço de venda do veículo novo era tabela cheia, o que demonstra que a margem estava nessa intermediação.

Enfim, a conclusão é a mesma, faça as contas e fique de olho se realmente é um bom negócio, pode ser que seja.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Checklist Pré-Viagem

Nenhum comentário
Para quem vai viajar, nada como um checklist para verificar se não esqueceu de nada, segue um exemplo bem completo:



Preparação da casa
  • escreva instruções para cuidar dos animais ou da casa, se necessário
  • verifique se tem comida suficiente para os animais
  • jogue uma dose extra de cloro na piscina
  • veja se tem contas a pagar no período, peça o boleto antecipado, ou deixe-as em débito automático
  • desligue ou reconfigure a climatização
  • feche o gás de cozinha
  • acabe com alimentos perecíveis, ou então dê embora
  • tire o lixo
Empacotando
  • saiba dos limites de bagagem do avião ou ônibus, caso vá usar
  • pegue receitas de medicamentos, caso necessário
  • verifique se os medicamentos que vai levar não estão vencidos
  • compre os presentes caso vá visitar alguém
  • verifique o clima no destino
Preparação de eletrônicos
  • carregue os eletrônicos que vai levar, como celular, máquina fotográfica
  • carregue documentos que possa precisar em alguma conta on-line, como se e-mail, ou no Dropbox
  • deixe no seu telefone todos os contatos do seu destino (hotel, ônibus, companhia aérea)
  • faça download de aplicativos específicos do local que vai visitar
Preparação adicional
  • combine transporte para o aeroporto, caso necessário
  • faça a manutenção preventiva no carro, se necessário
  • corte o cabelo se necessário
  • remova as coisas desnecessárias carteira, por exemplo, seu plano de saúde dificilmente valerá em outros países, não tem porque carregar
  • remova chaves desnecessárias do chaveiro
Preparação para os previnidos
  • deixe seu itinerário de viagem com pessoas relevantes, para que possam te encontrar
  • para viagem internacional, deixe uma cópia do seu passaporte com elas
  • faça o backup de seu computador e guarde em um local seguro
Transferir responsabilidades
  • tenha certeza que suas responsabilidades no trabalho serão cobertas por outras pessoas na tua ausência, configure uma mensagem de férias no e-mail se possível
 Preparação para viagem internacional
  • tenha certeza que o passaporte e visto estão na validade
  • conheça obrigações de vacinas no destino, e providencie caso necessário
  • prepare-se para restrições de comida no destino
  • aprenda algumas frases importantes na língua nativa do país
  • avise o cartão de crédito sobre a viagem, peça liberação se necessário
  • decida se precisa usar seu número de telefone no destino, contrate o plano pelos dias da viagem se necessário, ou veja como comprar um cartão pré-pago no destino assim que chegar



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Onde você gasta seu Tempo?

Nenhum comentário
“Se você não pode medir, você não pode gerenciar” - Peter Drucker

Você trabalha com computador no seu emprego? Ou tem que fazer trabalhos de escola, faculdade no computador? Muitas vezes percebe que senta na frente do mesmo, fica ali horas trabalhando, e não fez nada do que planejou? Você sabe quanto tempo fica no WhatsApp no celular? Quanto tempo fica no Facebook no celular?

Bom, seu tempo não sumiu, ele foi para algum lugar, e nada como conhecer para onde foi o tempo para poder gerenciar melhor e decidir sobre o mesmo.

Eu também já passei por isso, e por um período eu fiz anotações manuais, usei planilhas e alguns softwares manuais, até que descobri o Rescue Time, é um software para medição de tempo em computadores.

Ele mede quantos minutos você gasta em cada aplicativo e depois exibe em forma de um relatório.



Claro, ele contabiliza apenas o aplicativo ou site que está em foco no computador (o qual você está realmente trabalhando), e classifica automaticamente os aplicativos e sites mais comuns entre produtivo ou distração.

Olhando para o relatório você pode descobrir quanto tempo gasta efetivamente em cada aplicativo (quanto tempo dá somando todas aquelas olhadinhas no WhatsApp de vez em quando?)

Você pode configurar Metas, por exemplo, gastar apenas 1 hora por dia no software de E-mail, e ele vai te avisar quando estiver quase batendo a meta.

O que você está esperando? Faça já o Download, é GRÁTIS!

Fazer Download Grátis do RescueTime

Nenhum comentário :

Postar um comentário